Início arrow Documentos
Bem Vind@s!
Início
Noticias
Agenda
Opinião
Documentos
Eleições
Ligações
Sugestões e Denúncias
adere.jpg
 
tv_esquerda
 
 







Documentos
MANIFESTO ANTI-INTERIORICÍDIO, PELO FUTURO DO INTERIOR!
Os distritos do interior de Portugal são cada vez mais vítimas do despovoamento (o censo de 2011 mostra que na última década todos perderam população, no total de quase 100 mil pessoas), fruto de políticas erradas dos partidos que se têm alternado no poder (com o apoio pendular e oportunista do CDS) que não só conduziram o país ao actual descalabro económico e social como condenaram as populações ao empobrecimento, ao desemprego, ao abandono das terras de cultivo, à fuga para o litoral e a uma nova vaga de emigração.

Ler mais...
 
Pergunta ao Governo: CP põe à venda no estrangeiro composição ferroviária da Régua
beparlamento_logo.png

Veio recentemente na comunicação social a notícia de que a CP teria tentado vender junto de museus ferroviários europeus o comboio histórico de via estreita estacionado na Régua.

Quem impediu a venda em nome da defesa do património português? A Federação Europeia de Caminhos-de-Ferro Turísticos através de um apelo que lançou aos vários museus para não comprarem o comboio de via estreita estacionado na Régua.

De acordo com a mesma notícia, a Federação considerou escandaloso que a empresa portuguesa pusesse à venda a composição em causa, não só por constituir um património raro, logo a preservar, como está em óptimo estado. Aliás, devido ao facto de o comboio se encontrar operacional estava já destinado à Linha do Vouga.

Diz ainda a notícia que foi também a Federação que comunicou ao Museu Nacional Ferroviário Português a tentativa de venda por parte da CP desta composição. Situação absolutamente insólita e que só permite deduzir a clara intenção de colocar este património nacional fora do país.

Esta situação está toda ela envolta em factos no mínimo estranhos. Ao que parece a iniciativa é da CP Frota, que gere o material circulante, tendo a unidade enviado um email a várias entidades estrangeiras solicitando que estes propusessem o preço correspondente.

Da parte da CP, e de acordo com o presidente da Fundação do Museu Nacional Ferroviário, a empresa terá afirmado que perante esta situação iria então dar prioridade ao museu português na compra da composição em causa. Ora, o museu alega que já tinha pedido à administração da CP a cedência da mesma, pois inclusivamente o museu tinha em curso até ao encerramento da Linha do Vouga um projecto de requalificação do complexo ferroviário daquela estação para ali albergar o comboio histórico e poder vir a dar-lhe utilização turística.

O grupo parlamentar do Bloco de Esquerda lamenta que as opções estratégicas da CP excluam o panorama nacional e que a preservação do património ferroviário português não seja umas das suas principais vocações.

Ler mais...
 
Iniciativas do Bloco
 
Iniciativas Legislativas e perguntas ao Governo




  • O Banco de Portugal quer fechar a sua agência em Vila Real, contribuindo ainda mais para o afastamento dos serviços públicos das áreas e territórios ameaçados de desertificação. O deputado Francisco Louçã pediu explicações ao governo sobre esta decisão e também sobre a situação dos sete trabalhadores afectados pelo encerramento anunciado. Leia aqui a pergunta ao ministro das Finanças. (5 de Novembro de 2007)
 
Interioridade
 
Documentos de apoio


 
<< Início < Anterior | 1 2 3 | Seguinte > Final >>

Resultados 7 - 12 de 13
14449778_1017459351699565_1908966147365647017_n.jpg
O que quer o Bloco?
oet2.jpg
Jornal Orçamento

capajornalnov16.jpg

Legislativas 2015
Vota Bloco de Esquerda
Revista Vírus
Revista Vírus
© 2017 Site Distrital de Vila Real - Bloco de Esquerda
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.