Início arrow Noticias arrow Sócrates lança 1ª pedra que vai afundar linha do Tua
Bem Vind@s!
Início
Noticias
Agenda
Opinião
Documentos
Eleições
Ligações
Sugestões e Denúncias
adere.jpg
 
tv_esquerda
 
 







Sócrates lança 1ª pedra que vai afundar linha do Tua Imprimir e-mail
18-Fev-2011

Tua.jpgO primeiro-ministro português esteve presente esta sexta-feira, | em Alijó, no arranque oficial da barragem de Foz Tua, cuja construção vai provocar a submersão da linha ferroviária do Tua.

A deputada do Bloco de Esquerda, Rita Calvário, condenou a construção desta infra-estrutura, defendendo que, “com esta opção, perdem as populações, perde o país e perde esta região que precisa de desenvolvimento”.

A barragem de Foz Tua, inserida no Plano Nacional de Barragens, que será construída a uma quota de 170 metros e submergirá 16 quilómetros da linha ferroviária do Tua, terá, segundo Rita Calvário, “um contributo ínfimo para a produção de energia no país”.

O enterramento da linha ferroviária do Tua, “um património com mais de 120 anos de história e que dá acesso a paisagens únicas que serão destruídas”, condenará as populações ao “isolamento e à interioridade”, acabando com um serviço público de transporte, já que “durante os 75 anos da concessão da barragem, e também de parte das águas do rio Tua, não há garantias sobre o transporte público das populações”.

Para Rita Calvário, este é mais um capítulo da política ferroviária deste governo, que só rivaliza com “o período cavaquista em que se encerraram mais de 800 km de linhas, que assenta em acabar com as linhas regionais e do interior do país, ditando o maior isolamento destas populações e a desertificação humana destes territórios”.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
© 2022 Site Distrital de Vila Real - Bloco de Esquerda
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.