Início
Bem Vind@s!
Início
Noticias
Agenda
Opinião
Documentos
Eleições
Ligações
Sugestões e Denúncias
adere.jpg
 
tv_esquerda
 
 







vilareal@bloco.org
Salvar o Tâmega ainda é possível!
22-Mar-2010

manif_mondim_fridao.jpgA Junta de Freguesia de Mondim de Basto vai organizar uma concentração de protesto contra a construção da barragem do Fridão, demonstrando assim a sua solidariedade para com a população mondinense directa ou indirectamente afectada por esta construção.

A forma como se pretende impor esta barragem à revelia das populações, todo um rol de dúvidas e atentados ambientais, bem como o não aumento da potência instalada, fazem parte das preocupações que motivaram a convocação deste protesto.

A concentração será Domingo, 28 de Março, pelas 16h na Ponte de Mondim de Basto. Seguem-se às 17h intervençoes na Praça da Via Cova, com a presença do Presidente da Junta e especialistas na área do ambiente e economia.

 
Apenas estatutos do BE dão total liberdade de expressão
17-Mar-2010

multi_logo_be.jpgNuma altura em que se fala na polémica “Lei da Rolha” do PSD, a TSF observou os estatutos dos vários partidos e concluiu que só o BE dá total liberdade de expressão aos militantes.

Em todos os partidos, predominam regras que são idênticas, só variando a semântica, mas com um denominador comum: em todos os estatutos estão previstas sanções, expulsões e advertências. Outra regra também comum: nenhum aceita facções. 

Mas a liberdade de expressão segue outras regras. Por exemplo, o PCP estimula a crítica e a auto-crítica e o direito de cada militante de exprimir livremente a opinião, mas deixa a ressalva: desde que seja internamente, em reuniões, assembleias e congressos.

O Bloco de Esquerda dedica, nos estatutos, apenas uma linha à crítica para esclarecer que não são permitidas sanções para as diferenças de opinião.
Ler mais...
 
PJ visita Câmara Municipal de Vila Real
14-Mar-2010

voz_tras_montes_com_manuel_martins.jpg

As câmaras de Vila Real, Carregal do Sal, Ourém e Setúbal são alvos da Polícia Judiciária num inquérito por suspeitas de corrupção em licenciamentos de superfícies comerciais. As autarquias foram alvo de busca, tal como o ex-autarca de Espinho, José Mota.

Presidida por Manuel Martins, do PSD, a Câmara de Vila Real foi buscada pela PJ, que apreendeu processos de licenciamento de obras particulares. No caso de Carregal do Sal (distrito de Viseu), o seu presidente, Atílio dos Santos Nunes, revelou inclusivamente, ao JN, ter sido levantado da cama pelos inspectores.

No inquérito são investigadas suspeitas de corrupção e participação económica em negócio, só que ainda não há quaisquer arguidos constituídos. No total, foram efectuadas cerca de 20 buscas, incluindo residências particulares, instalações públicas, bem como à empresa Jerónimo Martins.

Os jornalistas tentaram contactar responsáveis da Câmara de Vila Real, mas sem sucesso.

Fonte: JN

 
Tua: uma região condenada ao esquecimento
13-Mar-2010

Tua: uma região condenada ao esquecimento Vi o esquecimento a que a linha e as pessoas que vivem nas povoações circundantes estão condenadas. Antes de mim, só se lembravam do “Jorginho e da Rosinha”, os realizadores do doc. “Pare, Escute e Olhe”.
Artigo de Diana Neves.

Em Agosto de 2008, foi desactivada a centenária linha ferroviária do Tua. Há cerca de um mês tive conhecimento de que a linha já tinha começado a ser destruída para efeitos da construção da barragem de Foz-Tua, uma das mais controversas do Plano Nacional de Barragens de Elevado Potencial Hidroeléctrico.

 Assim decidi ir percorrê-la a pé de modo a testemunhar o crime ambiental e social que está prestes a condenar toda a região.

Ler mais...
 
Bloco apresenta 15 medidas para uma Economia decente
10-Mar-2010

francisco_l.jpgFrancisco Louçã apresentou a resposta do Bloco de Esquerda ao governo sobre o PEC, demonstrando que é possível reduzir mais o défice, já este ano, e simultaneamente promover uma política de recuperação para a criação de emprego.

Aceda aqui ao documento, em pdf.

Ler mais...
 
Mulheres trabalham mais 16 horas por semana
07-Mar-2010

mulheres_cozinha.jpgAs mulheres trabalham mais porque as tarefas domésticas ainda são uma tarefa "delas", e no emprego chegam a ganhar menos 30 por cento em cargos idênticos aos deles.

O dia de trabalho das mulheres começa normalmente mais cedo e termina invariavelmente mais tarde. "Quando olhamos para os gráficos de tempo de trabalho pago e não pago, as mulheres trabalham em média mais 16 horas por semana do que os homens", contou à Lusa Natividade Coelho, presidente da Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego (CITE), a propósito do Dia Internacional da Mulher, que se assinala esta segunda-feira.

Ler mais...
 
<< Início < Anterior | 21 22 23 24 25 26 27 28 29 | Seguinte > Final >>

Resultados 199 - 207 de 259
14449778_1017459351699565_1908966147365647017_n.jpg
O que quer o Bloco?
oet2.jpg
Jornal Orçamento

capajornalnov16.jpg

Legislativas 2015
Vota Bloco de Esquerda
Revista Vírus
Revista Vírus
© 2017 Site Distrital de Vila Real - Bloco de Esquerda
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.